Designices

Sempre voto na quebra brusca de padrões, maneiras e suporte para potencializar a capacidade de “criar coisas diferentes”. Depois de tanto tempo “só trabalhando com internet”, achei um curso incrível de composição tipográfica manual, juntei mais sete amigos e passamos um sábado inteiro na Oficina Tipográfica São Paulo, que fica na Rua Bresser, 2315, quase esquina com a Avenida Alcântara Machado (mais conhecida como Radial Leste), em São Paulo.

Fizemos o primeiro módulo, conhecemos os tipos, aprendemos a identificar, medir, montar, entintar e imprimir uma gravura criada pelo grupo. Também fizemos um cartão de visita com tipos móveis de madeira e metal junto de uma linha com o e-mail ou o site gerada numa linotipo dos anos 1940, operada e reparada por profissionais que atuaram em gráficas de jornais importantes na época da ditadura. Cada um ganha 50 cartões de visita em papéis especiais de cores diferentes e a linha da linotipo. Veja alguns trabalhos no Flickr da Oficina Tipográfica.

Quem dá a aula é o Marcos Mello, que eu já conhecia da Anhembi Morumbi. Além de formado num curso profissionalizante em artes gráficas na escola alemã Waldorfschulen, ele tem formação universitários nas áreas de arte e pedagogia, pós-graduação em design gráfico, mestrado em Educação, Arte e História da Cultura pela Faculdade Presbiteriana Mackenzie e ainda tá fazendo doutorado em História Social na USP.

Algumas fotos do curso:

Tipo em madeira - Letra DMarcos Mello, lecionando o Módulo I de composição tipográfica manualOficina Tipográfica São PauloLinotipo dos anos 1940Original HeiderlbergEntrelinhasAdornos tipográficos antigosCartões de visita tipográficosRogério Fratin e Marco MoreiraMeu cartão de visita tipográfico, pouco antes de passar pela primeira prova

Esse primeiro módulo do curso tem preço mais que justo, dura um sábado (das 8:30 – 17:00, com material didático, café da manhã e almoço incluídos). Estou fazendo o segundo módulo, de cartaz, logo posto aqui também. Quem quiser saber mais pode acessar os cursos da Oficina Tipográfica ou enviar e-mail para mello@oficinatipografica.com.br. Uma boa dica é arrumar uma turma e falar com o Marcos. Geralmente rola um bom descontinho pra todos.